terça-feira, 21 de junho de 2011

A vida como ela é.

Diz que, para ter o suficiente, poucas coisas lhe bastam. Livros, música, informação, vinho e cerveja, boa comida, tabaco.
Em momento algum fui mencionada.

6 comentários:

o anão gigante disse...

A vida só traz desgostos.

Dança dos Dias disse...

Não.

Anónimo disse...

Não te contentes em fazer parte do suficiente, não consintas nunca em ser menos do que excessiva. Só assim se molda a verdadeira grandiosidade.

J.A.

Eu próprio... disse...

Há quem se satisfaça apenas com o suficiente. Não me incomoda isso. Há tantos medíocres por aí, é só escolher. Só se estragará uma casa.
Estragar duas é que não pode ser...não deixes a tua ser estragada.

ROSINHA (tilida5ever design) disse...

Se calhar porque era demasiado óbvio*

Dança dos Dias disse...

Ou então... não.